Últimas Notícias
recent

Em Peritoró, Naldo Lisboa tem projeto aprovado que garante abertura de igrejas no município

Naldo Liboa - vereador

Na sessão parlamentar da segunda-feira (26) o vereador Naldo Lisboa, apresentou o projeto de lei Nº 008/2021, que dispõe sobre tornar como essenciais às atividades desenvolvidas pelas igrejas de qualquer denominação, independentemente de Credo ou Religião, estabelecendo como invioláveis seus templos, mesmo em períodos de calamidade pública no Município de Peritoró-Maranhão, mas obedecendo todas as medidas sanitárias de prevenção a covid-19.

O projeto foi apresentado para apreciação no ultimo dia 14, e na sessão dessa segunda-feira 26, foi colocado em votação e aprovado por unanimidade, sob a justificativa de que as igrejas e templos religiosos atuam como ponto fundamental às necessidades da população. Não é raro que em momentos de emergência e calamidade pública, o próprio poder público busque uma atuação em parceria com essas instituições. Medidas restritivas e radicais que visem o total bloqueio ao acesso das pessoas aos locais onde manifestarão sua religião somente agrava o sentimento de desalento em situações calamitosas. No atual cenário da pandemia do Coronavírus (Covid-19), as igrejas e templos não só têm desempenhado sua principal função de apoio espiritual às pessoas, como também tem promovido significativas ações de arrecadação de alimentos e material de higiene para doação aos mais necessitados cumprindo relevante atividade de interesse coletivo. No que se refere à essencialidade das atividades desempenhadas por igrejas e templos religiosos, diversos estados e municípios brasileiros já aprovaram leis que incluem as atividades dessas entidades como sendo serviços essenciais, garantindo-lhes o funcionamento mesmo diante do estado de calamidade. Fechar igrejas e templos religiosos justamente em situações de calamidade pública, privando as pessoas de receberem auxílio espiritual afronta princípios básicos de Direitos Humanos. A Convenção Americana de Direitos Humanos de 1969.

O vereador Naldo Lisboa, disse que como representante da sociedade no legislativo, acolheu a reivindicação, conversou com as lideranças religiosas que explicaram a importância de manter os templos abertos nesse momento difícil em que vivemos com o pavor da doença, as dificuldades financeiras e a pressão psicológica gerada por diversos fatores ocasionados por essa tal covid-19.. “Quero em primeiro lugar agradecer a Deus pela oportunidade de estar aqui como vereador e poder ajudar a população do meu município. Quero também agradecer os colegas vereadores que entenderam a necessidade de manter as igrejas abertas para auxiliar de forma espiritual o povo nesse momento tão difícil de pandemia, e que, encontram nas igrejas o ombro amigo que tanto precisam nessa luta diária do atual momento. E posso dizer com toda convicção que hoje estou muito feliz pela aprovação desse projeto importante em prol da liberdade de religião do nosso povo”, disse o vereador.

Por:
Blo do Romenigue

Romenigue Couto

Romenigue Couto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CURIOSIDADES

Tecnologia do Blogger.